6 Coisas Que Você NÃO Deve Economizar Dinheiro

Com certeza você já ouviu o ditado popular que diz que o “barato pode sair muito caro”. E isso acontece quando muita gente acaba exagerando na economia e ao invés de poupar, acaba gastando ainda mais. E se você é uma dessas pessoas, que sempre vai em busca do mais barato, seja para comprar produtos ou contratar serviços, deve começar a repensar essa sua abordagem.

Contratar serviços mais baratos pode economizar dinheiro no curto prazo, mas uma verdade é que no geral, os serviços mais em conta costumam sacrificar a qualidade. E existem algumas coisas que você não deve economizar. Até por quê, ao invés de economizar dinheiro contratando um serviço de boa qualidade uma única vez, pode gastar mais contratando o mesmo serviço várias vezes.

Só de pensar no retrabalho que isso pode dar, já te faz querer contratar um serviço de excelência, desde o início, né verdade? E para te ajudar a ter mais clareza, preparei uma lista com 6 serviços que você nunca deve economizar. Confira!

Existem alguns serviços nos quais a economia pode realmente te trazer grandes prejuízos posteriores, principalmente quando a sua saúde, bem-estar físico e emocional e segurança estão em jogo.

Nesses casos, você deve priorizar pela qualidade do serviço e nos benefícios e na tranquilidade que ele irá proporcionar. Afinal, não importa quanto dinheiro você tenha, se você não tiver saúde e segurança para usufruir, sua qualidade de vida será muito ruim e o dinheiro não valerá de nada.

1. Assistência médica e odontológica

Se você não tem plano de saúde, está brincando com fogo. Sua maior riqueza é sua saúde, e você deve tratá-la como um bem valioso. Não hesite em gastar dinheiro para cuidar de si mesmo.

Apesar de existir o SUS (Sistema Único de Saúde), onde podemos ser atendidos gratuitamente, basta precisar de um simples atendimento para notar que não é tão simples conseguir uma vaga e ver o quanto o sistema está sobrecarregado.

As longas filas, dificuldade e demora nos agendamentos de consultas e procedimentos são bem comuns, o que deixa o paciente sempre a mercê das regulações, uma espécie de sistema que organiza e encaminha o paciente para o local adequado para o seu atendimento, ao surgir vaga. Mas, infelizmente, em alguns casos, o paciente não sobrevive a espera da “vaga”.

Nas redes particulares, conveniadas aos planos de saúde, o atendimento é muito mais rápido, evitando a piora e até mesmo a morte do paciente. Por isso, invista em pagar por um plano de seguro de saúde de qualidade. A tranquilidade de ter cobertura para emergências como acidentes, quebra de bráquetes ou dor de dente não tem preço. O dinheiro é importante, mas sua saúde deve ser uma prioridade.

Imagine que você juntou bastante dinheiro e chegou ao ponto que pode pagar por eventuais consultas e exames de rotina, e que arcar com o custo do plano de saúde mensalmente não é uma jogada inteligente. Porém, você pode ser acometido por alguma doença grave ou acidente e por mais que tenha dinheiro guardado para usar nesses casos, ainda assim a depender do ocorrido pode não ser uma boa quantia, acredite.

Custa muito caro realizar dezenas de exames complexos ou procedimentos cirúrgicos em casos de emergência, e se manter em um hospital por muitos dias ou semanas, a conta total pode ficar extremamente onerosa e dilapidar totalmente o seu patrimônio construído a longo de muitos anos. Então a dica que eu dou a respeito de economizar com plano de saúde é: NÃO VACILE!

2. Educação

A educação ainda é o melhor caminho para se conseguir crescer profissionalmente, conquistando sonhos e metas. Seja ela tradicional ou não. Estudar, se atualizar é o que garante nosso avanço, e que permaneçamos interessantes e o mais empregáveis ​​possível. 

Por isso, investir dinheiro na sua educação e na educação de seus filhos sempre será o melhor investimento.

Atualmente, com a internet, ninguém mais precisa se endividar para continuar estudando e se atualizando. Há muito conhecimento gratuito disponível nas redes. Seja em formato de texto ou vídeo. Além disso, é possível acessar a Internet para pesquisar subsídios e bolsas de estudo, programas de estudo e trabalho e estágios.

Enquanto ainda não for rico, não sacrifique os estudos em prol de um investimento em banco, por exemplo. Investindo em educação e cursos você pode aprimorar ainda mais suas habilidades e com isso conquistar um novo emprego ou realizar novos empreendimentos que lhe farão ganhar mais e mais.

3. Manutenção Preventiva da Casa e do Carro

A prevenção ainda é o melhor “remédio”. Assim como os cuidados de saúde preventivos, o dinheiro gasto em manutenção preventiva para sua casa, carro, eletrodomésticos e até roupas pode economizar muito no futuro. Além de te fornecer muito mais segurança e tranquilidade.

Por isso, não espere o carro parar no meio da estrada. Se ouviu algum barulho estranho ao ligar o carro? Sentiu algo diferente na direção? Já deve levá-lo a um mecânico de sua confiança. Não adianta correr por diversas oficinas atrás do menor orçamento. Vá em busca do melhor serviço. E quanto antes resolver, melhor.

Mas o que pode mesmo evitar que os problemas surjam e tragam maiores prejuízos financeiros é realizar manutenções preventivas e periódicas no seu veículo, respeitando as indicações do fabricante, principalmente no que diz respeito ao calendário de troca de pneus, óleo do motor e o filtro de ar.

E também, junto a manutenção preventiva, que é realizada a manutenção corretiva, onde o mecânico inspeciona, além dos itens obrigatórios, outros itens do carro para examinar o estado e funcionamento. O ideal é que você, aponte qualquer barulho ou diferença no funcionamento, seja lá qual for. Dessa forma, ele conseguirá identificar e resolver o problema, evitando que cause maiores danos e que você precisa gastar ainda mais no futuro.

Em casa, funciona da mesma maneira. Você não deve ignorar os reparos domésticos, pois podem levar a problemas maiores e mais caros. No entanto, eles também não devem ser consertados de forma barata, pois você pode acabar pagando pelo mesmo reparo duas ou mais vezes.

Aquela torneira ou vaso sanitário que estão sempre vazando água, ou aquela fiação antiga que você fica protelando para trocar, pode te trazer muitos gastos futuros por seu comodismo. Realizar reparos de qualidade no menor tempo possível, pode ser caro no curto prazo, porém o mais barato no longo prazo.

Quando você contrata profissionais, você paga por seus serviços e conhecimentos, opte pelo melhor. Os materiais utilizados também devem ser de boa qualidade, pois você também não vai querer usar itens que precisem ser substituídos rapidamente. Se você escolher a opção mais barata com um reparo doméstico, já deve se preparar para pagar novamente pelos mesmos serviços em um futuro próximo.

4. Seguro

O seguro é como um cinto de segurança. Você nunca sabe quando vai precisar, mas na fração de segundo em que precisa, é inestimável. Seguros de saúde, viagem, automóveis e de vida podem consumir uma grande parte do seu orçamento, mas arriscar cancelar seu seguro e depois sofrer uma grande catástrofe médica, um grave acidente automobilístico ou a morte do assalariado da família pode significar ruína financeira.

Seguro automóvel

Como o seguro de saúde, o seguro de carro é quase que obrigatório se você possui um veículo. Não é exigido por lei, mas pode salvar sua pele de um desastre financeiro, seja pela perda do veículo em um acidente de trânsito, por roubo ou furto do mesmo.

Ao escolher um plano, certifique-se de pesar os prós e os contras das opções de cobertura que você tem. Apólices baratas podem parecer cativantes, mas certifique-se de que você está coberto para sua situação específica. Conheça a política da empresa e marque uma reunião com um agente para discutir quais descontos promocionais estão disponíveis sem afetar seus níveis de cobertura.

Muita gente cai na furada de pagar por apólices mais baratas, mas esquecem de olhar quais as coberturas garantidas e ao passar por determinadas situações, se veem “descobertos” e acabam saindo no prejuízo com franquias e a não coberturas em alguns casos.

Seguro de vida

A única certeza na vida é a morte, mas ninguém gosta de pensar ou falar sobre isso. Entretanto, é algo a se considerar, principalmente quando se é o provedor da família, a única renda para o lar.

O seguro de vida é muito, muito mais acessível quanto mais jovem e saudável você for ao contratá-lo. Se você é um não fumante com poucas ou nenhuma condição pré-existente, uma apólice de seguro de vida substancial pode ser muito barata.

Lógico que é um “gasto” mensal a mais que pode fazer seu orçamento pesar, mas que irá te atender em caso de necessidade extrema. Por exemplo, além dos seguros onde somente os beneficiários recebem o valor em caso de morte, existem seguros de vida para invalidez permanente e invalidez temporária, onde o segurado recebe o prêmio do seguro. Ou seja, é algo que pode ser muito interessante caso você ou um familiar sofra um acidente.

Outras coberturas desse tipo de seguro também englobam os custos funerários, resolvendo toda parte burocrática, o que no momento de dor pode ser muito bem vindo.

Seguro Residencial

Seguro é uma espécie de serviço que todo mundo paga, mas ninguém quer usufruir. Pois se isso acontecer, é sinal que você está ou esteve passando por sérios problemas. No caso dos seguros residenciais, seja um vazamento, um problema com a elétrica ou o esgoto entupido, ninguém quer lidar com o problema, mas esses são bem pequenos ao serem comparados com a perda do imóvel por um incêndio ou inundação.

Não ter ou reduzir uma apólice de seguro residencial para uma barata pode custar muito dinheiro a longo prazo. Não aceite menos quando se trata de proteger sua casa e seu conteúdo.

Contrate seu seguro residencial e certifique-se de obter o seguro que tenha cobertura de custo de substituição. Se ocorrer um desastre e você fizer uma reclamação, um plano de valor em dinheiro real o reembolsaria apenas pelo valor depreciado de seus pertences, e isso não é suficiente para cobrir os custos de substituição de tudo.

Seguro viagem

Esse é um tipo de seguro que muita gente negligencia e não fazem ideia do quão perigoso é ficar sem. Sempre contamos que tudo na viagem vai dar certo, e tudo vai ser as mil maravilhas, e na maioria das vezes é. Mas imagine que você está viajando em outro país e sofre um acidente, uma queda, uma infecção alimentar, uma alergia ou qualquer problema que agrave sua saúde.

Não faça de sua viagem uma roleta russa, contar com a sorte é um risco que você nunca deveria correr.

Você pode entrar em uma fria com isso, em muitos países os hospitais são como serviços de luxo e qualquer atendimento por mais básico que seja, pode te custar MUITO CARO. Não ter um seguro que cubra esses gastos pode te proporcionar uma tremenda dor de cabeça e um prejuízo financeiro incalculável.

Muitos cartões de crédito em suas categorias premium já oferece gratuitamente o seguro viagem, muitos deles exigem que para haver direito á cobertura a passagem seja comprada pelo cartão em questão, ou até mesmo que você emita o seguro antes da viagem, essas são informações importantes que você deverá se atentar com sua operadora.

5. Serviços profissionais

Se você é um empreendedor, não deve ser um pau para toda obra. Há algumas coisas em seu negócio que você não deveria estar fazendo sozinho.

Você precisa gastar mais tempo gerenciando e delegando e menos tempo fazendo coisas que os outros serão muito mais eficientes do que você devido à educação, treinamento e experiência deles. Você economiza tempo e dinheiro a longo prazo.

Os dois exemplos que são universais para praticamente qualquer empresa são advogados e CPAs. Ter um bom advogado e contador pode economizar milhares de reais em ações judiciais e impostos. E há mais um tipo de profissional que você pode não ter considerado até agora, mas do qual pode se beneficiar muito.

Existem 3 pessoas que você nunca deve mentir ou ocultar coisas, pois podem levar a sua ruína: O seu médico, advogado e contador.

Advogado

Quando se trata de lei, você realmente não sabe e é por isso que você precisa consultar alguém que saiba. Não importa qual seja o seu negócio, recomendo que você tenha um advogado, ao qual possa consultar. Mesmo com toda informação disponível na internet, tendo Google para esclarecer muitas dúvidas, a palavra e orientação de um profissional especializado no seu setor, irá te economizar muito tempo e dinheiro, ao te guiar na resolução certeira dos diversos problemas ou burocracias que possam surgir.

Dessa forma, você além de fazer da forma correta, uma única vez, evitará re-trabalhos, processos e pagamentos de multas desnecessárias.

Contador

Toda pequena empresa precisa de um contador. É quase sempre a mesma história. O proprietário da empresa, tentando economizar dinheiro, manteria os livros e faria ele mesmo as declarações de impostos. Essas tarefas consumiriam inúmeras horas de seu tempo fazendo algo para o qual não foram treinados! E, na grande maioria das vezes, eles executam essas tarefas incorretamente, perdendo milhares de reais em oportunidades.

Então não deixe que seja você. Se você tem uma pequena empresa, entre em contato com um contador especializado em trabalhar com proprietários de empresas em seu setor. Garanta que todo setor financeiro e tributário da sua empresa esteja em dia. Com pagamentos dos impostos, entradas e saídas, devidamente registrados.

Mentor

Há muito a aprender com aqueles que trilharam o caminho antes de você. Eles podem dizer quais trilhas de coelho e buracos evitar, e também podem dizer onde estão as oportunidades de ouro. Portanto, considere entrar em contato com um coach respeitável em seu setor para educar, orientar e avaliar seu modelo de negócios atual.

Pode parecer besteira, mas ter um mentor é um gasto que lhe fará economizar com erros de percussos e evita você perder tempo com decisões erradas na sua jornada.

6. Voos

Quem não ama viajar? Ir a novos lugares, experimentar novas comidas ou aprender sobre novas culturas, mesmo que por um curto período. Ao viajar, queremos manter um orçamento e economizar o máximo que pudermos.

Conseguir um voo barato pode parecer como ganhar o jogo das viagens, mas escolher uma companhia aérea de baixo custo que cobra taxas de bagagem de mão ou seleção de assento pode acabar com a economia em alguns casos.

Embora seja tentador selecionar um voo barato com escala ou um horário de partida muito cedo/tarde, essas escolhas de voo podem afetar significativamente uma curta viagem de fim de semana. Se você estiver voando com um bebê, um voo noturno ou noturno barato raramente vale a economia de custos.

Imagine que você compra um voo um pouco mais barato em um horário atípico, você pode perder metade de uma diária de um hotel que você já reservou, ou até mesmo precisar pagar por mais uma diária, ou perder muitas horas esperando para fazer check-in seja no hotel ou na volta para casa no aeroporto, deixando de aproveitar valoroso tempo que deixará a viagem mais estressante, então antes de economizar em uma passagem, meça todos os prós e contras.

Por que não economizar com serviços

Um dos bens mais preciosos que você possui é o seu tempo. Ele é limitado e você deve sempre valorizá-lo, usando-o da melhor forma possível. Muitas vezes, o que aparenta ser mais barato, pode custar muito do seu tempo. E como disse, ele é muito mais valioso do que você percebe, pois ele é limitado.

Ao economizar na contratação de serviços, seja fazendo você mesmo ou optando pelo mais barato, você acaba gastando muito mais dinheiro e tempo. Por isso, sempre analise as melhores opções, principalmente quando se tratar de saúde, segurança e durabilidade a longo prazo, não seja mesquinho e invista no melhor. Haverá outras oportunidades para economizar dinheiro e cortar gastos sem afetar essas áreas.

Agora pense direitinho, quais desses serviços você acha que realmente não valem economizar? Você já passou por alguma experiência, onde sentiu na pele que a economia não valeu a pena? Conta pra gente aqui nos comentários!

Gostou desse artigo?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3.7 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

2 comentários em “6 Coisas Que Você NÃO Deve Economizar Dinheiro”

  1. Com saúde não se brinca, eu sei o quão é importante todos terem um plano de saúde, mesmo que a gente torça para não usar nunca, nós nunca sabemos quando será necessário

    Responder
  2. Eu tenho a ideia de que com o nosso lar não podemos economizar, já vi muita gente que não mede esforços quando o assunto é gastar na rua, na farra, mas quando se trata de gastar e investir em casa, fecha a mão. Gosto de ver minha casa toda organizadinha e bonita, até porque a casa diz muito sobre quem somos né?!

    Responder

Deixe seu Comentário